SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.57 número2Importancia semiológica del dolor durante etapas de un proceso inflamatorio pulparPrevalencia de carcinoma intraóseo primario derivado de quiste dentígero índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

  • No hay articulos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista Cubana de Estomatología

versión impresa ISSN 0034-7507versión On-line ISSN 1561-297X

Resumen

BERNARDI BERUTTI, Lorenzo; E SILVA CAMPOS, Débora  y  DANTAS BATISTA, André Ulisses. Uso de scanners intraorais em implantodontia. Rev Cubana Estomatol [online]. 2020, vol.57, n.2, e2366.  Epub 13-Jul-2020. ISSN 0034-7507.

Introdução:

O escâner intraoral é um aparelho que surge como alternativa aos métodos convencionais de moldagem utilizando a técnica de impressão digital. O meio acadêmico vem realizando diversos estudos para avaliar a real efetividade da tecnologia e sua aplicabilidade clínica.

Objetivo:

Analisar resultados obtidos em estudos sobre escâneres intraorais na área de implantodontia quanto ao tipo de escâneres e acurácia, tempo de trabalho e preferência do operador e do paciente.

Métodos:

Foram realizadas buscas de artigos nas bases de dados “Pubmed” e “SciELO” utilizando os seguintes descritores: «intraoral AND scanner AND implant», «digital AND scanner AND implant» e «digital AND impression AND implant» em inglês, português e espanhol respectivamente. Os critérios de inclusão foram: artigos de avaliação clínica (in vivo) ou laboratorial (in vitro) que avaliassem o uso da técnica de escaneamento intra-oral para impressão digital de implantes com acesso integral, escritos em português, inglês ou espanhol e publicados a partir de 2013.

Análise e integração da informação:

Foram encontrados 158 artigos. Após a análise e seleção, 35 artigos foram incluídos, sendo 28 laboratoriais e 7 clínicos. Apesar de limitações na padronização dos estudos, percebemos o potencial e a viabilidade da técnica digital, com resultados clínicos e de acurácia favoráveis e vantagens como redução do tempo e etapas de trabalho, comunicação dinâmica com os laboratórios, preferência de pacientes e estudantes de odontologia e facilidade de incorporação por profissionais já experientes.

Conclusões:

Estudos laboratoriais indicam que, além de vantagens quanto ao uso de materiais de moldagem, comunicação com os laboratórios e facilidade de manipulação, a técnica digital pode alcançar resultados superiores aos da técnica convencional, assim, a técnica se mostra promissora para a área de implantodontia sendo necessário, contudo, estudos futuros, especialmente in vivo, para avaliar a consistência dos resultados clínicos.

Palabras clave : Implantes Dentários; Técnica de Moldagem Odontológica; Precisão da Medição Dimensional.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )