SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.57 número2Sialolitectomía canicular por sialolito de gran tamañoLa técnica del cono de helado, una posibilidad de tratamiento predecible índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

  • No hay articulos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista Cubana de Estomatología

versión impresa ISSN 0034-7507versión On-line ISSN 1561-297X

Resumen

MOREIRA SUASSUNA, Thalles; DA SILVA CUNHA, Jéssica; ROLIM DE ABREU, Nathalie Murielly  y  CORREIA SAMPAIO, Fábio. Exostose palatina aberrante. Rev Cubana Estomatol [online]. 2020, vol.57, n.2, e2928.  Epub 13-Jul-2020. ISSN 0034-7507.

Introdução:

Exostose é um crescimento ósseo benigno que comumente acomete a mandíbula e a maxila, porém raramente apresenta grandes dimensões.

Objetivo:

Descrever um caso de exostose palatina de apresentação rara e discutir os principais aspectos clínicos envolvidos.

Relato de caso:

Paciente, gênero masculino, 66 anos, melanoderma, com história de aumento de volume no palato duro com tempo de evolução indeterminado, sem queixas álgicas, porém relatava transtornos de mastigação e fonação. O conjunto da lesão obliterava toda a profundidade do palato e ocupava grande volume na cavidade oral. A Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico demonstrava áreas bem corticalizadas na superfície da lesão e áreas centrais menos hiperdensas, compatíveis com osso medular maduro. Após exames e pareceres pós-operatórios o paciente foi submetido a tratamento cirúrgico sob anestesia geral para remoção da massa óssea e osteoplastia subjacente, a fim de dar contornos normais ao palato, e o material colhido foi enviado para a biópsia que estabeleceu o diagnóstico de exostose. O paciente evoluiu sem complicações.

Conclusão:

Embora a exostose seja um crescimento ósseo benigno, ela causou problemas funcionais ao paciente, necessitando assim de um tratamento cirúrgico. Após três meses da remoção, os distúrbios foram revertidos à normalidade, e a sua reabilitação protética está em andamento.

Palabras clave : exostose; maxila; palato duro.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )