SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.97 número4Microorganismos causantes de neumonía adquirida en la comunidad en municipio GuantánamoValidación de un manual sobre buenas prácticas de enfermería en cuidados intensivos índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

  • No hay articulos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista Información Científica

versión On-line ISSN 1028-9933

Resumen

SUAREZ ZAFRA, Deysi et al. Necessidade de tratamento estomatológico em crianças deficientes em Havana. Rev. inf. cient. [online]. 2018, vol.97, n.4, pp.798-809. ISSN 1028-9933.

Introdução:

o paciente com deficiência é um grupo prioritário no atendimento odontológico cubano, uma vez que sua saúde bucal é influenciada por vários fatores.

Objetivo:

determinar fatores de risco, doenças bucais, bem como a necessidade de tratamento estomatológico de pacientes com deficiência de acordo com a categoria diagnóstica da Escola Especial "Luis Ramírez López".

Método:

estudo transversal no período 2016-2017. O universo consistiu de 72 alunos matriculados na escola.

Resultados:

A categoria que prevaleceu foi diagnosticado retardo mental leve, com 79,2%. 55,6% da população do estudo tinha a higiene oral, retardo mental leve adequada sendo a categoria mais representativa. 62,5% das crianças tinham cárie dentária, doença periodontal 60,0% e 33,3% de má oclusão. Da população de estudo de 62,5% tratamento conservador necessário, 33,3 e 9,7 tratamento ortodôntico tratamento periodontal.

Conclusões:

crianças com retardo mental leve, higiene bucal adequada e cárie dentária predominaram, condicionando grande necessidade de tratamento conservador.

Palabras clave : incapacidade; atraso mental; higiene bucal; doenças da boca.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )